Sexo no pós-parto, isso existe?

E aí mamães? “Resguardo” acabando, o(a) parceiro(a) já te enquadra com aquele olhar “tô querendo!” e você só pensa em transformar a quarentena em sessentena, noventena… kkkk! Se você pertence a esse grupo de mulheres que não quer saber de sexo no pós-parto, saiba que não está sozinha.

São muitas mudanças acontecendo…

Nessa fase, nosso cérebro aumenta a produção de um hormônio chamado prolactina. Ele é responsável pela produção de leite e, em níveis aumentados, bloqueia a produção de hormônios ovarianos, responsáveis pela menstruação e libido. Ou seja: amamentação deixa as mamães sem vontade de ter relação sexual. Claro que o cansaço crônico, as mudanças no corpo e o uso de alguns anticoncepcionais também ajudam. Os quilinhos adquiridos ao longo da gestação demoram para ir embora e contribuem para a queda da auto-estima, diminuindo ainda mais a libido.

Maaaaaaas, apesar de tudo temos uma ótima notícia: com o tempo tudo isso passa! O cansaço diminui, a libido volta e sexo volta a se tornar algo muito bom.

Então, nada de neuras. Aproveite essa fase da vida e deixe que o tempo resolve tudo. O diálogo e a cumplicidade entre o casal é essencial nesse período, por isso não tenha medo, converse com seu(ua) parceiro(a) e explique seus sentimentos e angústias, com certeza a relação entre vocês se fortalecerá.

Porém, se seu bebê já está grandinho e você não você esta mais amamentando ou usando anticoncepcional e a libido ainda não voltou, talvez seja a hora de procurar ajuda de um especialista para poder identificar as causas e, juntos, planejarem um tratamento adequado ao casal.

Descomplicou?

Fonte da Imagem: https://www.noticiasaominuto.com.br/lifestyle