Descomplicando o Sangramento da Nidação

Hello! Sangramento da Nidação. Se você é tentante, ou é do time “gravidez-deusolivre” já deve ter ouvido falar nele. Hoje eu vou descomplicar a nidação pra vocês.

A nidação é o momento em que o óvulo fecundado pelo espermatozóide se fixa no útero.

O espermatozóide encontra o óvulo nas trompas. Depois da fecundação, o futuro bebê, que por enquanto se chama zigoto, é levado até o útero para ali se implantar. Portanto é no endométrio, a camada interna do útero, que tudo acontece. O corpo começa  a produzir o hormônio Bhcg depois da nidação. Esse hormôni0 quando presente no sangue (ou xixi) dá o famoso teste “positivo“.

Da fecundação até a nidação se passam cerca de 7 dias (5 a 13 dias). Para ficar bem firme ali, o zigoto vai corroendo o endométrio e por isso pode acontecer cólica e até um sangramento: o sangramento da nidação.

Eu disse PODE e não vai ocorrer.

Isso mesmo, os sintomas não são regra. Algumas mulheres vão ter, porém a maioria delas não vai sentir nada!

Nos poucos casos em que ocorre o sangramento da nidação a mulher irá perceber que dura por um pequeno período de tempo: 2 dias ou até algumas horas. E geralmente é em pequena quantidade, por isso na maioria das vezes é rosado ou escurecido.

Diferentes aspectos do sangramento da nidação.

 

Você até pode confundir pelo aspecto o sangramento da nidação com a menstruação, mas a verdade é que é possível diferenciá-los.

Os dois sangramentos ocorrem em períodos diferentes do ciclo menstrual. A nidação é mais pro meio do ciclo (vai parecer que a menstruação adiantou) e tende a diminuir. O sangramento menstrual vem no fim do seu ciclo (na verdade irá iniciar um novo ciclo) e tende a aumentar. Se depois desse sangramento inesperado e curto, a menstruação atrasar, vale a pena fazer o teste de gravidez!

Descomplicou?