Descomplicando as Modificações na pele da gestante

Olá!!! Hoje iremos falar das modificações cutâneas da grávida. Vocês sabem quais são as alterações na pele da mulher que podem ser facilitadas pela gestação? Vamos descomplicar…

ALTERAÇÕES GERAIS:

  • Decorrentes do hormônio progesterona
    • Pele mais oleosa (acne/espinha)
    • Queda de cabelo – melhora de 6 a 15 meses do pós parto
  • Decorrentes dos hormônios adrenocorticotróficos, adrenocorticoesteróides, andrógenos ovarianos
    • Unhas quebradiças
    • Aumento pêlos face e outras regiões

ALTERAÇÕES DA CIRCULAÇÃO NA PELE: ocorre maior dilatação dos vasos sanguíneos, devido ao padrão hormonal (principalmente, ESTROGÊNIO)

  • Eritema palmar (palma da mão mais vermelha)
  • Telangiectasias/ hemangiomas/aranhas vasculares (“micro varizes”, aqueles vasinhos chatos)

ALTERAÇÕES PIGMENTARES: causa não é bem conhecida

  • Ocorrem na aréola, mamilo, períneo, umbigo (ficam mais escuros)
  • Linha Nigrans (Linha Alba) – aquela linha no meio da barriga
  •  Cloasma ou melasma gravídico – manchas mais escuras pelo corpo (principalmente rosto). Por isso, meninas, PROTETOR SOLAR  na gestação e CUIDAR COM EXPOSIÇÃO AO SOL, podem ajudar a diminuir essas marcas.

ALTERÇÕES ATRÓFICAS:

  • Estrias gravídicas
    • É o estiramento (pele ” estica” e “rasga”) das fibras colágenas. Então, apesar de que, cada pessoa tem uma  propensão maior ou menor para surgimento das estrias, quanto mais HIDRATADA (preferir cremes a óleos) estiver sua pele, melhor!!! Ajuda a prevenir;
    • Surgem, também,  devido a componentes hormonais (adrenocorticoesteróides e estrógenos placentários) que irão romper as fibras colágenas e elásticas da derme (pele);
    • São mais comuns no abdome (e costuma poupar região umbilical), mamas, nádegas e coxas;
    • Ocorrem mais no último trimestre de gravidez;
    • Na gestação costumam ser avermelhadas;
    • No pós parto são mais brancacentas;
    • Nas multíparas (mais de uma gestação) são pratas, brilhantes (representam cicatrizes anteriores);

Bom…espero ter esclarecido um pouco….

beijos e até mais….

Fonte: Obstetrícia de Rezende, 2010 e Obstetrícia de Zugaib, 2012