Bebê nasce segurando o DIU

Hello! Esses dias vi essa postagem em perfis de redes sociais que produzem conteúdo para mulheres. “Bebê nasce segurando o DIU”. E comentários embaixo duvidando da eficácia do método e ainda, pessoas falando que já viram isso acontecer (???)!

A origem da foto…

A foto é verdadeira, mas o bebê não nasceu com o DIU na mão. Lucy Hellein, mãe do Dexter (o bebezinho da foto), engravidou usando o DIU. Após o bebê nascer um dispositivo foi colocado na mão de Dexter para fazer a foto. Quando postou essa imagem, que ficou famosa, colocou a legenda: “fracasso do Mirena“. A ideia era fazer uma brincadeira inocente e alertar, segundo ela, para os riscos de uma possível gravidez com o uso do DIU. Daí complicou né?

Mas a gente descomplica!

Você já sabe, TODO método anticoncepcional tem taxa de falhas. Nenhum método é 100% eficaz. O DIU é um método considerado muito seguro, o Mirena então, é mais eficaz que a pílula e a laqueadura!

No caso da Lucy, ela foi a ‘sortuda’ de ser uma das 2 em cada 100 mil mulheres que engravida com o Mirena (0,02%). Quando a gravidez com o DIU ocorre, há um risco maior de sangramentos, e com isso abortamento. Mas na maioria dos casos não vai ocorrer absolutamente nada com a gravidez! E não há relatos de malformações fetais devido ao uso de DIU.

Se o DIU estiver mais abaixo do Saco Gestacional, podemos retirá-lo. Cada caso deverá ser analisado individualmente.

No entanto, quero registrar que é impossível o bebê nascer segurando o DIU. Isso porque o bebê se forma dentro da bolsa amniótica, que fica dentro do Saco gestacional. Assim, não tem como o DIU entrar em contato direto com o bebê! Não-tem-co-mo!

Imagem 3D da pelve com DIU Mirena e na seta, um saco gestacional inicial.
Esquema representativo. DIU Mirena, saco gestacional, bolsa amniótica e embrião.


Nossa amiga Lucy mandou bem se a ideia era conseguir likes e visualizações. Porém, os comentários e o medo que gerou nas mulheres sobre a falha do Mirena (como se fosse alta), pegou mal, e gerou mais um desserviço na internet. Até a próxima!