Está planejando uma gestação?? O que devemos levar em conta nesse primeiro momento?? É importante consultar com seu ginecologista/obstetra ANTES de engravidar?

A resposta é sim!! Se você já está se preparando para nova vida, o ideal é que a consulta pré- concepcional, ou seja, a consulta feita antes de engravidar, ocorra pelo menos 3 meses antes da suspensão do seu método anticoncepcional.

Nesta primeira consulta seu ginecologista irá fazer algumas perguntas quanto a problemas de saúde, fazer exame ginecológico completo, incluindo o exame citopatológico do colo do útero (popularmente conhecido como preventivo), seu peso e altura, medicações que está usando, etc.

Alguns exames de sangue também são solicitados (como glicemia de jejum, sorologias de toxoplasmose, rubéola, sífilis, hiv, dentre outros).

Verificar suas vacinações também são importantes, porque algumas vacinas não são permitidas na gestação e em alguns casos, como a rubéola, se você ainda não tiver imunidade, é importante se vacinar pelo menos 3 meses antes. A rubéola é uma das infecções que podem causar mal formações fetais.

Se você possui alguma doença crônica em tratamento, como hipertensão arterial, diabetes, alterações de tireoide, deve comentar nessa primeira consulta, assim seu médico verificará suas medicações de uso contínuo e principalmente se sua doença crônica está bem controlada para evitar problemas futuros. O diabetes, por exemplo, está relacionado a várias malformações congênitas, cardiopatias e o controle da glicemia é fator pré-concepcional importante na prevenção de malformações congênitas. A pressão alta, relacionada à prematuridade e óbito materno.

Algumas medicações contínuas, como para tratamento de depressão, ansiedade e epilepsia devem ser modificadas também nesse período, antes do início da gestação.

O uso do ácido fólico antes de engravidar reduz comprovadamente o índice de malformações do tubo neural do feto em aproximadamente 70% dos casos e é o medicamento prescrito já nessa primeira consulta. É importante iniciar antes de engravidar, pelo menos 3 meses.

Na consulta, você receberá informações sobre como é  importante ter uma alimentação equilibrada, praticar exercícios físicos, evitar álcool e se tabagista, cessar o tabagismo.O tabagismo materno está associado a baixo peso fetal, prematuridade, maior risco de fendas palatinas, dentre outros.

Lembrando que engravidar não é tão fácil quanto parece, então quem está planejando gestação nos próximos meses, deve agendar uma consulta com seu ginecologista, leia nosso blog, que está cheio de dicas de como saber seu período ovulatório, alimentação, exercícios na gestação e várias outras dicas muito importantes!!
Beijos e até a próxima!!

Referências:  (1) Rotinas em Obstetrícia- Freitas, 6ª edição.
Imagem de capa: http://www.bloggraodegente.com.br/gravidez/ja-estou-velha-para-engravidar/