Bronzeamento com Fita Isolante – Pode isso?

Se você vive no Brasil e tem TV, Rádio ou Facebook, provavelmente já ouviu falar nesse polêmico método de bronzeamento, né?
Grande febre entre as famosas, trata-se de um método no qual a marquinha é feita com fita adesiva, em substituição ao biquíni.Após colar as fitas no corpo, basta se entregar ao sol e lagartear por horas a fio… a marquinha fica bem definida, uma beleza (?)!
Em locais como o Rio de Janeiro, diversas lajes foram transformadas em centros de bronzeamento. Até aqui em Curitiba, onde o sol vem passear de vez em quando a moda já pegou, mas pra fazer efeito rápido o “tratamento”, o sol tem que estar bem forte!

Fonte da Imagem: Portal Mangabeira

Fonte da Imagem: Portal Mangabeira

COMO FUNCIONA?
A cliente chega ao local, aplica um produto cosmético no corpo, para ativar as células que causam o bronzeamento. Em seguida, escolhe o tamanho e recorte da fita isolante dependendo de como deseja a sua marquinha. Depois é realizada a exposição ao sol, na qual a cliente pode receber ‘jatos’ de água frequentes para não passar calor. E no fim do processo alguns serviços passam óleos para “hidratação”. E é isso!

Bem tranquilo, sem riscos… certo?

ABRE O OLHO, DESCOMPLICADA!

O câncer de pele é o câncer mais frequente no Brasil (e no Mundo!) e corresponde a 25% de todos os tumores malignos registrados no nosso país.
A exposição solar descontrolada, sem proteção, principalmente nos horários de risco, traz um SÉRIO risco a saúde!  Além disso, rugas, manchas e envelhecimento precoce andam de mãos dadas com a exposição!
Cuidar da pele é algo sério!

E O QUE FAZER ENTÃO?
Logicamente ninguém vai viver como um ermitão na tentativa de barrar as radiações solares, no entanto, com a proteção adequada, podemos realizar tudo com segurança:

  • Procure usar chapéus, camisetas e protetores solares;
  • Evite a exposição solar e permaneça na sombra entre 10 e 16h (horário de verão);
  • Na praia ou na piscina, use barracas/guarda-sóis feitos de algodão ou lona, que absorvem 50% da radiação ultravioleta. As barracas de nylon formam uma barreira pouco confiável: 95% dos raios ultravioleta ultrapassam o material;
  • Use filtros solares diariamente, e não somente em horários de lazer ou diversão. Utilize um produto que proteja contra radiação UVA e UVB e tenha um fator de proteção solar (FPS) 30, no mínimo. Reaplique o produto a cada duas horas ou menos, nas atividades de lazer ao ar livre;
  • Ao utilizar o produto no dia-a-dia, aplique uma boa quantidade pela manhã e reaplique antes de sair para o almoço;
  • Observe regularmente a própria pele, à procura de pintas ou manchas suspeitas.

E sempre consulte um dermatologista uma vez ao ano, no mínimo, para um exame completo!

O bronzeado “vai malandra” pode estar na moda nesse verão, mas cuidar da saúde nunca sai de moda: é um clássico!

Imagem da capa: Google images – Anitta gravação do clipe Vai Malandra